Irã pode adquirir armamento russo já em 2020; veja lista do que a Rússia já concordou em vender

Irã pode adquirir armamento russo já em 2020; veja lista do que a Rússia já concordou em vender


País demonstrou interesse e transações podem ocorrer até o final do ano se ONU levantar sanções Sistemas de defesa antiaérea S-400 em foto do dia 29 de abril de 2019, em Moscou. Mísseis do tipo estão entre os armamentos que Rússia poderia vender ao Irã
Tatyana Makeyeva/Reuters
No final de 2020, a Organização das Nações Unidas poderá levantar as sanções que proíbem a importação de armamentos e dificultam a modernização da defesa do Irã.
Se a organização internacional decidir não prorrogar as medidas restritivas, a Rússia poderá ser o principal fornecedor de tecnologias militares que substituirão o desatualizado equipamento iraniano, adquirido ainda na era soviética.
O Russia Beyond compilou uma lista de armamentos que a Rússia já concordou em vender ao Irã com a possível mudança de cenário.
Su-30SM – Uma das principais características da última modificação do caça russo da geração 4++ Su-30SM é sua alta manobrabilidade, que permite realizar acrobacias mais complicadas para escapar dos mísseis de um potencial inimigo.
O avião tem estrutura aerodinâmica integrada de alto desempenho e modernos motores a jato AL-31FP. O caça também tem radar com matriz de antena faseada, motores com empuxo vetorado e empenagem horizontal frontal. Ele pode utilizar armamentos avançados de alta precisão das classes “ar-ar” e “ar-superfície” e eliminar alvos a até 100 quilômetros de distância. O Su-30SM pode voar a até 3 mil quilômetros de distância sem reabastecimento ou aterrissagem.
K-300P Bastion-P – O sistema de defesa antiaérea móvel Bastion-P serve para defender linhas costeiras de modernos grupos de combate de porta-aviões, navios de guerra e navios de desembarque. Cada bateria de K-300P Bastion é composta por um veículo de comando, um veículo de apoio e quatro sistemas de lançamento, armados com mísseis supersônicos P-800 Oniks, que levam ogivas de 250 quilos cheias de fragmentos altamente explosivos.
Esses mísseis podem eliminar alvos a até 300 quilômetros de distâncias da costa. Com esses sistemas, o Irã teria poder de fogo suficiente para defender todo o Golfo Pérsico e monitorar cada navio da região. Cada sistema de lançamento Bastion pode permanecer em alerta ativo durante períodos de 3 a 5 dias, ou até 30 dias quando acompanhado por um veículo de apoio de combate.
S-400 – O S-400 Triumph é um sistema de nova geração de mísseis antiaéreos de médio e longo alcance que pode atingir aviões a até 400 quilômetros de distância. A 60 quilômetros de distância, ele pode alcançar alvos balísticos táticos voando a até 4,8 quilômetros por segundo.
O sistema foi criado para defender estruturas militares e governamentais de todas as ameaças aéreas modernas, entre eles caças e bombardeiros com tecnologias furtivas, mísseis de cruzeiro voando a velocidades supersônicas ou mísseis balísticos. Os S-400 podem operar em todas as condições meteorológicas, inclusive sob chuvas e tempestades de areia.
Fonte: MUNDO

Aqui você pode expressar sua opinião livremente.

%d blogueiros gostam disto: